As bibliotecas académicas portuguesas integram grandes colecções em suporte papel (biblioteca tradicional) e bibliotecas digitais. Perante esta realidade, outros desafios e questões se colocam aos profissionais que as dirigem e às instituições que as albergam.

Para apoiar a fundamentação de algumas respostas a estes problemas, surgem instrumentos úteis, reconhecidos internacionalmente, indicadores de desempenho da produção científica. Na actualidade, estes indicadores despertam entusiasmo nos profissionais das bibliotecas académicas e são ferramentas que se enquadram na área da Bibliometria / Cienciometria.

Moed (2005), na monografia de sua autoria Citation analysis in research evaluation, afirma que os estudos bibliométricos decorrem da análise de citações. Este autor explica que, a análise de citações tem enfoque na construção e aplicação de uma série de indicadores de “impacto”, “influência” ou “qualidade” nos trabalhos desenvolvidos por docentes e cientistas do Ensino Superior e dos centros de investigação e desenvolvimento. As citações são obtidas, das notas de rodapé e das bibliografias, dos artigos publicados em periódicos científicos.

No passado dia 11 de Março, decorreu na Reitoria da Universidade do Porto, um Seminário sobre Bibliometria e Avaliação da Ciência, organizado pela Biblioteca Virtual da U.Porto com o apoio da Elsevier.

Das várias comunicações destaque para “Indicadores científicos y evaluación de la ciencia: aproximación en el contexto global” do Professor Félix de Moya Anegón, da Universidade de Granada e, responsável do projecto Atlas of Science, instrumento que fornece informação gráfica sobre a investigação científica desenvolvida nos países Ibero-Americanos.

O Professor José Alberto Ferreira Gomes, na sua intervenção “Alguns indicadores de desempenho das universidades portuguesas” divulga dados bibliométricos úteis e muito interessantes sobre a produção científica Nacional. Esses dados foram coligidos no âmbito de um projecto de investigação do centro Requimte – Research Metrics.

O colega Manuel Montenegro da Universidade do Porto surge neste evento com a comunicação “A U. Porto e o acesso a periódicos científicos: análise bibliométrica com base nos títulos do JCR“, um estudo de caso que desperta curiosidade sobre a aferição da utilização das revistas científicas disponíveis na rede desta Universidade.

Felicitações, à Biblioteca Virtual da U.Porto, sob direcção da Dra. Clara Macedo, pela realização de mais um evento que alerta os profissionais para novas competências prestáveis para melhorar os desempenhos.

Bibliografia:
Moed, H.F. (2005). Citation analysis in research evaluation. Dordrecht: Springer.

Luiza Baptista Melo | Faculdade de Ciências da Universidade do Porto | Sócia nº 1498-Ef.

Anúncios