Paula Sequeiros, bibliotecária e socióloga, investigadora do Instituto de Sociologia da U.P.;

Silvia Grünig, arquiteta e urbanista, consultora pedagógica da Universitat Oberta de Catalunya, Barcelona

15 de Abril às 15h00 na Biblioteca Pública Municipal do Porto

O espaço das bibliotecas públicas molda as práticas dos e das leitoras e os edifícios tendem a refletir tanto políticas de leitura pública como políticas culturais; as apropriações de utilizadores podem alterar e contornar os fins planeados e os padrões de comportamento esperados. Comparamos os dois edifícios – um, histórico, convertido em biblioteca e outro  construído de raiz – dentro da mesma cidade e como se relacionam com as suas diferentes atmosferas de leitura.

Partimos dos conceitos na base dos projetos arquitetónicos, passámos pelo modo como leitores produzem o seu espaço, atendendo às emoções e significados associados, para chegar a uma compreensão abrangente de como o espaço e as pessoas interagem e dão forma à leitura.